Profissionais: 7137
Prontuários: 513765

Protocolos/Algoritmos/Diretrizes/Fluxogramas

Advertência: Estes artigos e resumos são protegidos pela Lei de Direitos Autorais (Lei 9.610/98), sendo vedada a sua transcrição sem citação da fonte e a sua reprodução com finalidades comerciais sem autorização dos autores.

Adobe Acrobat Reader
É necessário o Adobe Acrobat Reader instalado.

Hérnia de Disco Lombar no Adulto Jovem.

S B de Ortopedia e Traumatologia, S B de Neurofisiologia Clínica, F B das Assoc. de Ginecologia e Obstetrícia, S B de Neurocirurgia,Colégio Bras de Radiologia.
Projeto Diretrizes - Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina.
Número: 367 / Publicado em 09/03/2012 - 17:29

A lombalgia √© queixa freq√ľente no consult√≥rio. Estudos epidemiol√≥gicos mostram que 80% das pessoas apresentar√£o esta queixa em algum momento da vida.

Abrir arquivo em PDF

Hepatite C Cr√īnica: Tratamento.

Sociedade Brasileira de Hepatologia, Sociedade Brasileira de Infectologia, Sociedade Brasileira de Clínica Médica.
Projeto Diretrizes - Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina.
Número: 366 / Publicado em 18/06/2012 - 08:50

A hepatite cr√īnica pelo v√≠rus da hepatite C acomete cerca de 180 milh√Ķes de pessoas em todo o mundo. Estima-se que no Brasil entre 1% e 3% da popula√ß√£o estejam contaminados, sendo que a maioria desconhece esse diagn√≥stico. Sem sintomas espec√≠ficos, a hepatite C evolui de forma arrastada durante d√©cadas. Al√©m do desenvolvimento de cirrose, apresenta acentuada morbimortalidade devido √†s suas descompensa√ß√Ķes, e eventual evolu√ß√£o para o carcinoma hepatocelular, constituindo a causa mais frequente de indica√ß√£o de transplante hep√°tico.

Abrir arquivo em PDF

Hepatite B Cr√īnica: Tratamento.

Sociedade Brasileira de Hepatologia, Sociedade Brasileira de Infectologia, Sociedade Brasileira de Clínica Médica.
Projeto Diretrizes - Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina.
Número: 365 / Publicado em 09/03/2012 - 17:31

O impacto da hepatite B vem diminuindo com medidas profil√°ticas e uso da vacina, mas formas cr√īnicas continuam sendo diagnosticadas, com evolu√ß√£o para cirrose e necessidade de transplante do f√≠gado. Al√©m da insufici√™ncia hep√°tica, o surgimento do carcinoma hepatocelular √© outra evolu√ß√£o poss√≠vel, exigindo vigil√Ęncia constante e cuidados imediatos.

Abrir arquivo em PDF

Estenose da Junção Pieloureteral.

Sociedade Brasileira de Urologia, Colégio Brasileiro de Radiologia.
Projeto Diretrizes - Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina.
Número: 364 / Publicado em 09/03/2012 - 17:32

A obstrução da junção pieloureteral é definida como um processo de restrição ao fluxo urinário da pélvis renal para o ureter e, conforme o grau de obstrução, pode evoluir com perda progressiva da função renal.

Abrir arquivo em PDF

Falência Ovariana Precoce.

Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia.
Projeto Diretrizes - Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina.
Número: 363 / Publicado em 09/03/2012 - 17:33

A falência ovariana precoce (FOP) é definida como uma falência gonadal antes dos 40 anos de idade, afeta 1% das mulheres e apresenta-se clinicamente com amenorréia primária ou secundária e, laboratorialmente, com hipoestrogenismo e elevação das gonadotrofinas hipofisárias.

Abrir arquivo em PDF

Esterilização Masculina: Indicação.

Sociedade Brasileira de Medicina de Família e Comunidade, Sociedade Brasileira de Genética Médica, Sociedade Brasileira de Urologia.
Projeto Diretrizes - Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina.
Número: 362 / Publicado em 09/03/2012 - 17:34

Somente em tr√™s pa√≠ses do mundo a vasectomia iguala ou supera a laqueadura: Nova Zel√Ęndia (23%), Reino Unido (15%) e Holanda (11%). Na B√©lgica, no Canad√° e nos Estados Unidos, a m√©dia √© menos do que um para dois, j√° na China e Jap√£o √© de uma vasectomia para tr√™s laqueaduras. No Brasil, a taxa √© de 1:151.

Abrir arquivo em PDF

Esterilização Feminina: Indicação.

Sociedade Brasileira de Medicina de Fam√≠lia e Comunidade, Sociedade Brasileira de Gen√©tica M√©dica, Federa√ß√£o Brasileira das Associa√ß√Ķes de Ginecologia e Obstetr√≠cia
Projeto Diretrizes - Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina.
Número: 361 / Publicado em 09/03/2012 - 17:34

No Brasil, em 1966, 77% das mulheres casadas ou que conviviam em união estável usavam algum método contraceptivo, sendo que 40% delas eram laqueadas e 21% utilizavam anticoncepcional oral.

Abrir arquivo em PDF

Fadiga Cr√īnica: Diagn√≥stico e Tratamento.

Sociedade Brasileira de Medicina de Família e Comunidade, Sociedade Brasileira de Clínica Médica, Sociedade Brasileira de Medicina do Esporte, Associação Brasileira de Medicina Física e Reabilitação.
Projeto Diretrizes - Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina.
Número: 360 / Publicado em 09/03/2012 - 17:35

Fadiga pode ser definida como uma sensa√ß√£o de cansa√ßo generalizado ou falta de energia que n√£o est√° relacionada exclusivamente √† exaust√£o. Pode ser dividida nas seguintes entidades, conforme dura√ß√£o e apresenta√ß√£o dos sintomas: fadiga prolongada ‚Äď fadiga incapacitante e prolongada com dura√ß√£o de pelo menos um m√™s; fadiga cr√īnica ‚Äď fadiga incapacitante e prolongada, com dura√ß√£o de pelo menos seis meses. Quando a fadiga cr√īnica √© inexplicada por outras condi√ß√Ķes m√©dicas ou psicol√≥gicas, ela se subdivide em idiop√°tica ou S√≠ndrome da Fadiga Cr√īnica (SFC), nesse √ļltimo caso quando preenche crit√©rios espec√≠ficos.

Abrir arquivo em PDF

Espondiloartropatias: Outras Artropatias.

Sociedade Brasileira de Reumatologia.
Projeto Diretrizes - Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina.
Número: 359 / Publicado em 09/03/2012 - 17:36

Nos √ļltimos 20 anos, devido ao crescente n√ļmero de pacientes que apresentam um diagn√≥stico prov√°vel, mas que n√£o conseguem preencher os crit√©rios diagn√≥sticos para uma doen√ßa definida dentro do grupo, foi criado o conceito das espondiloartropatias indiferenciadas. Recentemente, especialistas internacionais propuseram a mudan√ßa de nome para espondiloartropatias, suprimindo o termo soronegativas.

Abrir arquivo em PDF

Espondiloartropatias: Espondilite Anquilosante e Artrite Psori√°sica.

Sociedade Brasileira de Reumatologia.
Projeto Diretrizes - Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina.
Número: 358 / Publicado em 09/03/2012 - 17:37

As doen√ßas cr√īnicas, como as espondiloartropatias, na maioria das vezes causam um sentimento de desamparo e inutilidade mais assustador do que a doen√ßa em si. Por isso, o paciente sempre deve ser informado de forma realista sobre as perspectivas progn√≥sticas de sua doen√ßa, perspectivas essas que s√£o freq√ľentemente otimistas, desde que haja uma abordagem global de atendimento.

Abrir arquivo em PDF

Portal Saúde Direta - Footer
Atualizado em
14/09/2020
Saude-Direta-Facebook Saude-Direta-LinkedIN Saude-Direta-Twitter