Profissionais: 7137
Prontuários: 513733

Protocolos/Algoritmos/Diretrizes/Fluxogramas

Advertência: Estes artigos e resumos são protegidos pela Lei de Direitos Autorais (Lei 9.610/98), sendo vedada a sua transcrição sem citação da fonte e a sua reprodução com finalidades comerciais sem autorização dos autores.

Adobe Acrobat Reader
É necessário o Adobe Acrobat Reader instalado.

Síndrome Metabólica: Tratamento com Fibratos.

Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabolismo.
Projeto Diretrizes - Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina.
Número: 458 / Publicado em 09/03/2012 - 16:03

A s√≠ndrome metab√≥lica consiste na associa√ß√£o de sobrepeso com a predomin√Ęncia abdominal, eleva√ß√£o da press√£o arterial, dislipidemia aterog√™nica e uma altera√ß√£o no metabolismo da glicose e insulina. Em todo o mundo, tem havido, nas √ļltimas d√©cadas, um aumento na incid√™ncia da s√≠ndrome metab√≥lica devido a uma maior preval√™ncia de sobrepeso/obesidade na popula√ß√£o geral. Por esta doen√ßa apresentar um aumento na mortalidade cardiovascular, houve maior preocupa√ß√£o no diagn√≥stico e no manejo da s√≠ndrome metab√≥lica.

Abrir arquivo em PDF

Síndrome dos Ovários Policísticos.

Federação Brasileira das Sociedades de Ginecologia e Obstetrícia.
Projeto Diretrizes - Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina.
Número: 457 / Publicado em 09/03/2012 - 16:04

A S√≠ndrome dos Ov√°rios Polic√≠sticos (SOP) √© uma doen√ßa end√≥crina complexa que tem como elementos principais hiperandrogenismo e anovula√ß√£o cr√īnica. Caracteriza-se por sinais associados √† anovula√ß√£o cr√īnica, tais como irregularidade menstrual ou amenorr√©ia, e uma ampla gama de achados decorrentes do hiperandrogenismo, tais como hirsutismo, acne, alop√©cia e seborr√©ia. A denomina√ß√£o dada a esta s√≠ndrome se deve √† presen√ßa freq√ľente de ov√°rios aumentados de volume, com hipertrofia do estroma e m√ļltiplos cistos na periferia da c√≥rtex. Representa uma das desordens end√≥crinas reprodutivas mais comuns em mulheres, acometendo em torno de 5% a 10% da popula√ß√£o feminina em idade f√©rtil.

Abrir arquivo em PDF

Síndrome de Turner: Diagnóstico e Tratamento.

Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia, Sociedade Brasileira de GenéŽtica Clí’nica.
Projeto Diretrizes - Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina.
Número: 456 / Publicado em 09/03/2012 - 16:04

A Síndrome de Turner é definida pela presença de um cromossomo X e deleção total ou parcial do segundo cromossomo sexual em paciente fenotipicamente feminino, com uma ou mais características clínicas atribuídas à síndrome.

Abrir arquivo em PDF

S√≠ndrome de Cushing Independente do Horm√īnio Adrenocorticotr√≥fico (ACTH).

Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia, Colégio Brasileiro de Radiologia.
Projeto Diretrizes - Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina.
Número: 455 / Publicado em 09/03/2012 - 16:05

A s√≠ndrome de Cushing de origem end√≥gena √© um estado cl√≠nico resultante da exposi√ß√£o cr√īnica ao excesso de cortisol circulante, que se caracteriza pela perda do feedback negativo do eixo hipot√°lamo-hip√≥fise-adrenal e do ritmo circadiano da secre√ß√£o do cortisol. O termo s√≠ndrome de Cushing √© utilizado para descrever todas as causas de hipercortisolismo, enquanto o termo doen√ßa de Cushing refere-se apenas aos casos de s√≠ndrome de Cushing de origem hipofis√°ria.

Abrir arquivo em PDF

Segurança no Transporte Veicular de Crianças: Parte II.

Associação Brasileira de Medicina de Tráfego.
Projeto Diretrizes - Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina.
Número: 454 / Publicado em 09/03/2012 - 16:06

Os dispositivos de retenção para crianças são projetados para reduzir o risco em caso de colisão ou desaceleração repentina do veículo, limitando o deslocamento do corpo da criança. São compostos de tiras dotadas de fecho de travamento, dispositivos de ajuste, partes para fixação e, em certos casos, dispositivos, como berço portátil, porta-bebê, cadeirinha auxiliar e/ou uma proteção antichoque, que devem ser fixados ao veículo.

Abrir arquivo em PDF

Segurança no Transporte Veicular de Crianças - Parte I.

Associação Brasileira de Medicina de Tráfego.
Projeto Diretrizes - Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina.
Número: 453 / Publicado em 09/03/2012 - 16:07

Acidentes de tr√°fego envolvendo ve√≠culos automotores constituem-se em uma das principais causas de morte, ferimentos e incapacidades adquiridas, em todo o mundo. Considerando-se a faixa et√°ria de 5-14 anos, a morte decorrente de ferimentos provocados pelos acidentes de tr√Ęnsito √© a primeira entre todas as mortes por causas definidas, na maioria dos pa√≠ses das Am√©ricas, incluindo o Brasil. Em nosso pa√≠s, milhares de crian√ßas sofrem ferimentos ou morrem em acidentes de tr√Ęnsito todos os anos.

Abrir arquivo em PDF

Roturas Completas do Manguito Rotador: Tratamento Cir√ļrgico.

Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia, Colégio Brasileiro de Radiologia.
Projeto Diretrizes - Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina.
Número: 452 / Publicado em 09/03/2012 - 16:08

As les√Ķes do manguito rotador s√£o uma das causas mais freq√ľentes de dor e incapacidade funcional do membro superior. Com o n√≠vel de atividade crescente na popula√ß√£o atual, les√Ķes que no passado eram prevalentes em pacientes mais idosos atualmente s√£o vistas em pacientes mais novos. Pacientes mais jovens, geralmente, est√£o envolvidos em atividades atl√©ticas, com movimentos repetitivos do bra√ßo acima da cabe√ßa, acidentes de alto impacto ou trabalho pesado. J√° indiv√≠duos de meia idade, freq√ľentemente, apresentam tendinopatia resultante de sobrecarga repetitiva. Nos pacientes mais idosos, o que pode ocorrer √© um impacto subacromial verdadeiro, causando atrito ao manguito rotador. A g√™nese das les√Ķes do manguito acredita-se hoje ser de origem multifatorial.

Abrir arquivo em PDF

Rotura Prematura das Membranas.

Federação Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia.
Projeto Diretrizes - Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina.
Número: 451 / Publicado em 09/03/2012 - 16:10

A rotura prematura das membranas (RPM) √© definida como rotura espont√Ęnea das membranas amni√≥ticas ap√≥s a 20¬™ semana de gravidez e antes do in√≠cio do trabalho de parto. A rotura das membranas amni√≥ticas antes da 20¬™ semana de gesta√ß√£o caracteriza o quadro de abortamento inevit√°vel. Quando a RPM acontece antes do termo, entre 20 e 37 semanas, ela √© classificada como rotura prematura pr√©-termo das membranas (RPPM). O per√≠odo decorrido entre a rotura das membranas e o parto √© chamado de per√≠odo de lat√™ncia.

Abrir arquivo em PDF

Refluxo Vésico-Ureteral.

Sociedade Brasileira de Urologia.
Projeto Diretrizes - Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina.
Número: 450 / Publicado em 09/03/2012 - 16:11

O refluxo v√©sico-ureteral √© uma das doen√ßas mais freq√ľentes no tratamento urol√≥gico de crian√ßas. A apresenta√ß√£o cl√≠nica mais comum em crian√ßas com refluxo v√©sico-ureteral √© na forma de infec√ß√£o do trato urin√°rio, que pode ou n√£o ser acompanhada de febre, cuja constata√ß√£o se faz por meio do exame de urina com urocultura.

Abrir arquivo em PDF

Refluxo Gastroesofágico: Diagnóstico e Tratamento.

Federação Brasileira de Gastroenterologia.
Projeto Diretrizes - Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina.
Número: 449 / Publicado em 09/03/2012 - 16:11

O Consenso Brasileiro da Doen√ßa do Refluxo Gastroesof√°gico (CBDRGE) definiu a DRGE como uma afec√ß√£o cr√īnica decorrente do fluxo retr√≥grado do conte√ļdo gastroduodenal para o es√īfago e/ou √≥rg√£os adjacentes a ele, acarretando um espectro vari√°vel de sintomas e/ou sinais esofagianos e/ou extraesofagianos, associados ou n√£o a les√Ķes teciduais.

Abrir arquivo em PDF

Portal Saúde Direta - Footer
Atualizado em
14/09/2020
Saude-Direta-Facebook Saude-Direta-LinkedIN Saude-Direta-Twitter