Profissionais: 7133
Prontuários: 512016

Protocolos/Algoritmos/Diretrizes/Fluxogramas

Advertência: Estes artigos e resumos são protegidos pela Lei de Direitos Autorais (Lei 9.610/98), sendo vedada a sua transcrição sem citação da fonte e a sua reprodução com finalidades comerciais sem autorização dos autores.

Adobe Acrobat Reader
É necessário o Adobe Acrobat Reader instalado.

Endocrinologistas Clínicos lançam novas Diretrizes para Diabéticos.

Associação Americana de Endocrinolgistas Clínicos - AACE.
http://aace.metapress.com/content/t7g5335740165v13/fulltext.pdf
Número: 1595 / Publicado em 18/03/2012 - 16:24

A Associa√ß√£o Americana de Endocrinolgistas Cl√≠nicos (AACE) acaba de liberar novas recomenda√ß√Ķes que real√ßam a necessidade de um tratamento personalizado e cuidados abrangentes para as pessoas com diabetes. At√© o momento, esta forma de tratamento tem sido negligenciada, segundo os especialistas reunidos do 20th Congresso da Associa√ß√£o em 15 de Abril de 2011.

Abrir arquivo em PDF

O que fazer quando o Diabético está Doente.

Sociedade Brasileira de Diabetes - SBD.
http://www.diabetes.org.br
Número: 1594 / Publicado em 18/03/2012 - 16:22

Uma das v√°rias preocupa√ß√Ķes de pais e m√£es de filhos com diabetes mellitus √© saber como lidar nos dias em que seus filhos apresentam doen√ßas ou infec√ß√Ķes.

Abrir arquivo em PDF

Comportamento Suicida: Conhecer para Prevenir.

Comissão de Prevenção de Suicídio.
Associação Brasileira de Psiquiatria.
Número: 1593 / Publicado em 18/03/2012 - 16:23

Orienta√ß√Ķes sobre como abordar o suic√≠dio na imprensa. Preservando o direito √† informa√ß√£o e colaborando para a preven√ß√£o.

Abrir arquivo em PDF

Terapia Gênica e Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA).

Miguel Mitne Neto
Associação Brasileira de Esclerose Lateral Amiotrófica - ABRELA
Número: 1592 / Publicado em 18/03/2012 - 16:26

Dentre os avanços trazidos pela genética destaca-se o desenvolvimento da terapia gênica. Ela compreende um grupo de medidas que, através da inserção de genes completos, pedaços de genes ou oligonucleotídeos, visa trazer benefícios para o indivíduo.

Abrir arquivo em PDF

Teste R√°pido para Porfirias Agudas.

Buist, N.
British Med. J., 2:745-9, 1969.
Número: 1591 / Publicado em 18/03/2012 - 16:27

REAÇÃO DE ERLICH (detecção do porfobilinogênio).

Abrir arquivo em PDF

Porfirias Agudas - Condutas na Crise Aguda.

Charles Marques Lourenço
Serviço de Genética Médica do HC-FMRP.
Número: 1590 / Publicado em 18/03/2012 - 16:28

As porfirias agudas constituem um complexo grupo de doen√ßas heredit√°rias metab√≥licas de car√°ter autoss√īmico dominante. As manifesta√ß√Ķes cl√≠nicas das porfirias agudas decorrem dos dist√ļrbios na via biossint√©tica do heme, causados por defici√™ncia de enzimas que deveriam funcionar na rota metab√≥lica dessa subst√Ęncia. Em decorr√™ncia disso, surgem metab√≥litos t√≥xicos, respons√°veis pelos sintomas caracter√≠sticos desse grupo de doen√ßas.

Abrir arquivo em PDF

Medicamentos e Porfirias Agudas (PALAD, PAI, CPH e PV).

Cl√°udia Snatos Lorenzato
Associação Brasileira de Porfiria - ABRAPO
Número: 1589 / Publicado em 18/03/2012 - 16:29

Esta lista √© apenas uma orienta√ß√£o e o uso de qualquer medicamento deve ser analisado pelo m√©dico, levando em considera√ß√£o a individualidade de seu paciente, dados epidemiol√≥gicos e de sa√ļde p√ļblica, literatura m√©dica publicada em revistas especializadas e de refer√™ncia.

Abrir arquivo em PDF

Urologia Fundamental: Capítulo 48 - Medicina Baseada em Evidências.

Ot√°vio Clark, Luciana Clark.
Sociedade Brasileira de Urologia - SBU 2010.
Número: 1588 / Publicado em 10/03/2012 - 18:22

Na medicina, existe uma longa lista de interven√ß√Ķes que nunca se mostraram efetivas e que, no entanto, foram adotadas como rotina na pr√°tica cl√≠nica. O contr√°rio tamb√©m √© verdadeiro: interven√ß√Ķes comprovadamente ben√©ficas que n√£o foram adotadas e permanecem no esquecimento.

Abrir arquivo em PDF

Urologia Fundamental: Capítulo 47 - Biologia Molecular em Uro-Oncologia.

Marcelo Langer Wroclawski, Ary Serpa Neto.
Sociedade Brasileira de Urologia - SBU 2010.
Número: 1587 / Publicado em 10/03/2012 - 18:21

Neste cap√≠tulo, discutiremos algumas aplica√ß√Ķes da biologia molecular em uro-oncologia.

Abrir arquivo em PDF

Urologia Fundamental: Capítulo 46 - Laparoscopia Urológica.

Tiago Moura Rodrigues, Lísias Nogueira Castilho.
Sociedade Brasileira de Urologia - SBU 2010.
Número: 1586 / Publicado em 10/03/2012 - 18:21

N√£o s√£o todos os pacientes que podem ou devem ser submetidos √† videolaparoscopia. As √ļnicas contraindica√ß√Ķes absolutas s√£o incapacidade t√©cnica da equipe para realizar o procedimento e falta de equipamentos. A sele√ß√£o de pacientes tamb√©m depende, necessariamente, da experi√™ncia do servi√ßo de anestesia, disponibilidade de recursos hospitalares para eventuais complica√ß√Ķes e de instrumental, da aceita√ß√£o formal e dos aspectos psicol√≥gicos e econ√īmicos do paciente.

Abrir arquivo em PDF

Portal Saúde Direta - Footer
Atualizado em
14/09/2020
Saude-Direta-Facebook Saude-Direta-LinkedIN Saude-Direta-Twitter