Profissionais: 6922
Prontuários: 429286

Esqueceu a senha? Cadastro da senha

Portal Saude Direta - Busca Palavra

BUSCA POR PALAVRA

POSTAGENS ANTERIORES

TAGS CLOUD

Protocolos - Algoritmos - Diretrizes - Fluxogramas

Baixar o Adobe Acrobat Reader
Para visualizar os conteúdos abaixo é necessário ter o Adobe Acrobat Reader instalado.

Advertência: Estes artigos e resumos são protegidos pela Lei de Direitos Autorais (Lei 9.610/98), sendo vedada a sua transcrição sem citação da fonte e a sua reprodução com finalidades comerciais sem autorização dos autores.

Atualização no Tatamento de Hiperidrose Axilar

Gabriel Teixeiro Gontijo, Gustavo Vieira Gualberto, Natália Augusta Brito Madureira
Surg Cosmet Dermatol 2011;3(2):147-51
Número: 1965 / Publicado em 09/03/2012 - 10:40

Hiperidrose axilar é problema comum que pode afetar a vida profissional e social. A história clínica e o exame físico são ferramentas importantes na avaliação da gravidade e para indicação da terapia mais apropriada para cada caso. Existem vários tratamentos, incluindo terapia tópica e sistêmica, iontoforese, toxina botulínica e procedimentos cirúrgicos. Os autores apresentam revisão das opções terapêuticas mais importantes.

Abrir arquivo em PDF

Triagem e Avaliação do Estado Nutricional

Dias MCG, van Aanholt DPJ, Catalani LA, Rey JSF, Gonzales MC, Coppini L, Franco Filho JW, Paes-Barbosa MR, Horie L, Abrahão V, Martins C
Sociedade Brasileira de Nutrição Parenteral e Enteral, Associação Brasileira de Nutrologia. 2011
Número: 1961 / Publicado em 07/03/2012 - 20:44

A avaliação nutricional é um processo sistemático, sendo o primeiro passo da assistência nutricional, tendo como objetivo obter informações adequadas, a fim de identificar problemas ligados à nutrição, sendo constituída de coleta, verificação e interpretação de dados para tomada de decisões referentes à natureza e à causa de problemas relacionados à nutrição.

Abrir arquivo em PDF

Terapia Nutricional: Administração e Monitoramento

Matsuba CST, Ciosak SI, Serpa LF, Poltronieri M, Oliseski MS
Sociedade Brasileira de Nutrição Parenteral e Enteral, Associação Brasileira de Nutrologia. 2011
Número: 1957 / Publicado em 07/03/2012 - 20:37

Um programa de alimentação enteral intermitente ou contínua é determinado por múltiplos fatores: condição do paciente, tratamentos concorrentes, via de acesso, fórmulas nutricionais e potenciais para complicações.

Abrir arquivo em PDF

Terapia Nutricional na Gestação

Dias MCG, Catalani LA
Sociedade Brasileira Nutrição Parenteral e Enteral, Associação Brasileira de Nutrologia. 2011
Número: 1931 / Publicado em 07/03/2012 - 19:52

A gestação é um período de profundas alterações no metabolismo materno, aumentando as necessidades nutricionais para garantir o adequado crescimento e desenvolvimento fetal. São necessárias adaptações nutricionais para suprir essa necessidade aumentada, podendo ser necessária suplementação de alguns nutrientes, como ferro e ácido fólico.

Abrir arquivo em PDF

Recomendações para Preparo da Nutrição Parenteral

Auad GRV, Buzzini R
Sociedade Brasileira de Nutrição Parenteral e Enteral, Associação Brasileira de Nutrologia. 2011
Número: 1922 / Publicado em 07/03/2012 - 19:40

A qualidade da formulação de NP preparada está diretamente relacionada ao rigoroso controle de qualidade, realização de validações, existência de procedimentos operacionais padrão, registro das etapas do processo de manipulação e, sobretudo, gerência, vigilância e consistência por parte tanto do pessoal responsável como de todos os funcionários envolvidos de forma direta ou indireta com a manipulação de NP.

Abrir arquivo em PDF

Recomendações para Preparo da Nutrição Enteral

Kumbier M, Barreto AL, Costa C, Spolidoro JV, Buzzini R
Sociedade Brasileira de Nutrição Parenteral e Enteral, Federação Brasileira de Gastroenterologia, Associação Brasileira de Nutrologia. 2011
Número: 1921 / Publicado em 07/03/2012 - 19:37

Promover a segurança dos indivíduos que são nutridos por dieta enteral é dever de todos os profissionais da saúde envolvidos. Devem ser observados todos os aspectos relacionados à terapia de nutrição enteral (TNE), iniciando-se pela prescrição e preparo, para garantir a segurança e a efetividade no processo, tema que será abordado nessa diretriz.

Abrir arquivo em PDF

Recomendações Nutricionais para Crianças em Terapia Nutricional Enteral e Parenteral

Coppini LZ, Sampaio H, Marco D
Sociedade Brasileira de Nutrição Parenteral e Enteral, Associação Brasileira de Cirurgia Pediátrica, Sociedade Brasileira de Clínica Médica, Associação Brasileira de Nutrologia. 2011
Número: 1920 / Publicado em 07/03/2012 - 19:36

As necessidades nutricionais em pediatria variam segundo a etapa de crescimento em que os indivíduos se encontram. O fornecimento de macro e micronutrientes deve cobrir as necessidades nutricionais do paciente pediátrico. Estas necessidades influenciadas pelo gasto energético basal são atividade física, crescimento e correção para desnutrição pré-existente.

Abrir arquivo em PDF

Recomendações Nutricionais para Adultos em Terapia Nutricional Enteral e Parenteral

Coppini LZ, Sampaio H, Marco D, Martini C
Sociedade Brasileira de Nutrição Parenteral e Enteral, Sociedade Brasileira de Clínica Médica, Associação Brasileira de Nutrologia. 2011
Número: 1919 / Publicado em 07/03/2012 - 19:34

O objetivo da terapia nutricional (TN) é suprir as necessidades de macro e de micronutrientes de um indivíduo. Quando as necessidades de energia não são supridas, o organismo utiliza as suas reservas, como o tecido muscular, o que aumenta o risco da desnutrição. Por outro lado, o excesso de aporte de nutrientes pode sobrecarregar órgãos e sistemas, sendo, também, prejudicial ao organismo.

Abrir arquivo em PDF

Insulinização em Diabetes Tipo 2

Macedo G, Moura F, Soriano EA, Ribas DF, Andrada NC
Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabolismo
Número: 1914 / Publicado em 07/03/2012 - 19:26

O Diabetes Mellitus tipo 2 é uma doença crônica que requer uma contínua atenção médica, além de investimento em programas de educação em diabetes, para diminuir as complicações crônicas, melhorar a aderência ao tratamento e a qualidade de vida dos portadores desta patologia.

Abrir arquivo em PDF

Degeneração Macular Relacionada à Idade

Paranhos FRL, Costa RA, Meirelles R, Simões R
Conselho Brasileiro de Oftalmologia
Número: 1903 / Publicado em 07/03/2012 - 18:32

A degeneração macular relacionada à idade (DMRI) ou maculopatia relacionada à idade é uma doença degenerativa que afeta a porção central da retina (mácula). É a causa mais comum de deficiência visual, podendo levar a perda de visão central ou cegueira, acometendo indivíduos com mais de 50 anos.

Abrir arquivo em PDF

Footer - v1.3
Atualizado em
04/09/2019
Saude-Direta-Facebook Saude-Direta-LinkedIN Saude-Direta-Twitter