Profissionais: 5236
Prontuários: 183437

Esqueceu a senha? Cadastro da senha

Portal Saude Direta - Busca Palavra

BUSCA POR PALAVRA

POSTAGENS ANTERIORES

TAGS CLOUD

Protocolos - Algoritmos - Diretrizes - Fluxogramas

Baixar o Adobe Acrobat Reader
Para visualizar os conteúdos abaixo é necessário ter o Adobe Acrobat Reader instalado.

Advertência: Estes artigos e resumos são protegidos pela Lei de Direitos Autorais (Lei 9.610/98), sendo vedada a sua transcrição sem citação da fonte e a sua reprodução com finalidades comerciais sem autorização dos autores.

Sexually Transmitted Diseases Treatment Guidelines, 2010

Centers for Disease Control and Prevention
U.S. Department of Health and Human Services, Atlanta, GA
Número: 2914 / Publicado em 15/01/2016 - 17:08

Included in these updated guidelines is new information regarding 1) the expanded diagnostic evaluation for cervicitis and trichomoniasis; 2) new treatment recommendations for bacterial vaginosis and genital warts; 3) the clinical efficacy of azithromycin for chlamydial infections in pregnancy; 4) the role of Mycoplasma genitalium and trichomoniasis in urethritis/cervicitis and treatment-related implications; 5) lymphogranuloma venereum proctocolitis among men who have sex with men; 6) the criteria for spinal fluid examination to evaluate for neurosyphilis; 7) the emergence of azithromycin-resistant Treponema pallidum; 8) the increasing prevalence of antimicrobial-resistant Neisseria gonorrhoeae; 9) the sexual transmission of hepatitis C; 10) diagnostic evaluation after sexual assault; and 11) STD prevention approaches.

Abrir arquivo em PDF

Practice Guidelines for the Diagnosis and Management of Skin and Soft Tissue Infections: 2014 Update by the Infectious Diseases Society of America

Dennis L. Stevens, Alan L. Bisno, Henry F. Chambers, E. Patchen Dellinger, Ellie J. C. Goldstein, Sherwood L. Gorbach, Jan V. Hirschmann, Sheldon L. Kaplan, Jose G. Montoya, and James C. Wade
Clinical Infectious Diseases Advance Access published June 18, 2014
Número: 2859 / Publicado em 12/11/2014 - 09:11

A panel of national experts was convened by the Infectious Diseases Society of America (IDSA) to update the 2005 guidelines for the treatment of skin and soft tissue infections (SSTIs). The panel’s recommendations were developed to be concordant with the recently published IDSA guidelines for the treatment of methicillin-resistant Staphylococcus aureus infections. The focus of this guideline is the diagnosis and appropriate treatment of diverse SSTIs ranging from minor superficial infections to life-threatening infections such as necrotizing fasciitis. In addition, because of an increasing number of immunocompromised hosts worldwide, the guideline addresses the wide array of SSTIs that occur in this population. These guidelines emphasize the importance of clinical skills in promptly diagnosing SSTIs, identifying the pathogen, and administering effective treatments in a timely fashion.

Abrir arquivo em PDF

Dermatoses Ocupacionais

Alchorne AOA, Alchorne MMA, Silva MM
An Bras Dermatol. 2010;85(2):137-47
Número: 2818 / Publicado em 16/06/2014 - 10:08

Dermatose ocupacional é qualquer alteração da pele, mucosa e anexos, direta ou indiretamente causada, condicionada, mantida ou agravada por agentes presentes na atividade ocupacional ou no ambiente de trabalho. Os autores referem a importância do tema, a epidemiologia e a etiopatogenia das principais dermatoses ocupacionais: dermatites de contato irritativas e alérgicas, fitodermatites, acnes (elaioconiose e cloracne), ceratoses, cânceres, granulomas de corpo estranho, infecções, oníquias e ulcerações.

Abrir arquivo em PDF

Diretrizes Práticas da Infectious Diseases Society of America: Staphylococcus aureus Resistentes à Meticilina - MRSA (em português)

Catherine Liu et als
Clinical Infectious Diseases ; 2011 ; 52 : e18 -e55
Número: 2743 / Publicado em 29/08/2013 - 09:46

Estas diretrizes baseadas em evidências para o manejo de infecções por Staphylococcus aureus resistentes à meticilina (MRSA) foram preparadas por um grupo de especialistas da Infectious Diaseases Society of America (IDSA). As diretrizes destinam-se a profissionais de saúde que atendem a pacientes adultos e crianças com infecções por MRSA. Elas discutem o manejo de várias síndromes clínicas associadas à doença por MRSA, inclusive as infecções de pele e partes moles (IPPM), a bacteremia e a endocardite, a pneumonia, as infecções ósseas e articulares e do sistema nervoso central (SNC). São feitas recomendações quanto à dosagem e monitoramento da vancomicina, ao manejo das infecções por cepas de MRSA com susceptibilidade reduzida à vancomicina e das falhas terapêuticas da vancomicina.

Abrir arquivo em PDF

Onicomicoses: do Diagnóstico ao Tratamento

Kioshima, E,S; Oliveira, A.C.P.; Svidzinski. T.I.E.
Arq. Ciênc.Saúde Unipar, 6(2): maio/ago., 2002
Número: 2694 / Publicado em 10/04/2013 - 22:42

Onicomicose é uma infecção ungueal causada por dermatófitos, leveduras e fungos filamentosos não dermatófitos. São classificadas clinicamente em onicomicose subungueal distal, onicomicose superficial branca, onicomicose proximal subungueal e onicomicose distrófica total.

Abrir arquivo em PDF

Manual de Conduta nas Onicomicoses: Diagnóstico e Tratamento

Ligia Rangel B. Ruiz & Nilton Di Chiacchio
Sociedade Brasileira de Dermatologia - Departamento de Cabelos e Unhas
Número: 2691 / Publicado em 10/04/2013 - 22:19

Onicomicose é uma infecção ungueal causada por dermatófitos, leveduras e fungos filamentosos não dermatófitos. São classificadas clinicamente em onicomicose subungueal distal, onicomicose superficial branca, onicomicose proximal subungueal e onicomicose distrófica total.

Abrir arquivo em PDF

Estado de Mal Epiléptico e Crises Convulsivas agudas

Hospital São Luiz - São Paulo
http://www.saoluiz.com.br/Area_medica/paginas/Protocolos_medicos.aspx
Número: 2575 / Publicado em 01/01/2013 - 22:55

CONCEITOS - epilepsia: condição crônica, caracterizada pela presença de crises epilépticas recorrentes, na ausência de eventos externos desencadeantes; - crises epilépticas: evento neurofisiológico, representando uma descarga elétrica anormal, excessiva e síncrona, de um grupamento neuronal, ocorrendo de modo espontâneo ou secundário a eventos exógenos, como febre, distúrbios hidroeletrolíticos ou mesmo em quadro encefalítico - convulsões: crises epilépticas com manifestação motora; - estado de mal epiléptico: mais de 30 minutos de atividade convulsiva contínua ou que se repete em intervalos curtos durante 30 minutos, sem que o paciente recobre a consciência.

Abrir arquivo em PDF

Diagnóstico e Tratamento da Primeira Infecção do Trato Urinário (ITU) em Crianças de 2 meses a 12 anos

Diretrizes Assistenciais.
Hospital Israelita Albert Einstein - Março – 2012.
Número: 2501 / Publicado em 03/07/2012 - 17:04

Infecção do trato urinário (ITU) afeta até 10% das crianças. É a infecção bacteriana invasiva mais comum em crianças no mundo inteiro. Pielonefrite aguda pode levar a cicatriz renal, hipertensão e insuficiência renal crônica.

Abrir arquivo em PDF

Thesaurus des Interactions Medicamenteuses

Béatrice Saint-Salvi, Stéphanie Hueber, Patrick de Roef
Agence Nationale de Sécurité du Médicament et des Produits de Santé (ANSM) - Mars 2012
Número: 2446 / Publicado em 29/05/2012 - 10:11

L'ANSM met à la disposition des professionnels de santé l'ensemble des interactions médicamenteuses identifiées par le Groupe de Travail ad hoc et regroupées dans un Thesaurus. Ce Thesaurus apporte aux professionnels de santé une information de référence, à la fois fiable et pragmatique, avec des libellés volontairement simples utilisant des mots clés. Il doit être utilisé comme un guide pharmaco-thérapeutique d'aide à la prescription.

Abrir arquivo em PDF

Algoritmo de Tratamento do Transtorno Obsessivo-Compulsivo (TOC)

Ygor Arzeno Ferrão; Juliana Belo Diniz; Antônio Carlos Lopes; Roseli Gedanke Shavitt; Benjamin Greenberg; Euripedes Miguel
Rev. Bras. Psiquiatr. vol.29 suppl.2 São Paulo Oct. 2007 Epub Aug 22, 2007
Número: 2415 / Publicado em 18/05/2012 - 18:46

O transtorno obsessivo-compulsivo (TOC) abrange sintomas que representam diversos domínios psicopatológicos. Estes sintomas incluem percepções, cognições (obsessões), emoções, dificuldades nos relacionamentos sociais e diversos comportamentos motores (compulsões).

Abrir arquivo em PDF

Footer - v1.3
Atualizado em
04/02/2016
Saude-Direta-Facebook Saude-Direta-LinkedIN Saude-Direta-Twitter